Pausa para um cafezinho

Tomo o  café-da-manhã na casa de minha mãe, com ela e para estar com ela. O café não me desperta, mas completa o ato. Há dias, entreranto, que tomo um segundo café antes de chegar ao câmpus. Adio minha chegada, quando posso fazê-lo, até um horário que inplique chegar no horário. Esse segundo café é pra ajudar a dormir mesmo. Caminho como sonâmbula por um dia que para mim é como noite.

image

Esse post foi publicado em nonada. Bookmark o link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s